5 Dicas alimentares para perder barriga

5 Dicas alimentares para perder barriga

Para perder barriga, não basta tomar especial atenção às calorias ingeridas através da nossa alimentação. Confira algumas dicas para atingir o seu objectivo com sucesso.

Ingira alimentos que promovam o bom funcionamento intestinal

Uma das causas que pode justificar o excessivo volume na zona abdominal é o mau funcionamento do intestino. É importante garantir o aporte de alimentos que promovam a boa saúde deste órgão, merecendo especial destaque os alimentos ricos em fibra e água. Os legumes e a fruta são alguns exemplos.

Promova a ingestão de alimentos termogénicos

Os alimentos termogénicos promovem o aumento do nosso metabolismo. Estes alimentos aumentam o gasto energético, e consequentemente a queima de gordura. O gengibre, o chá verde, a pimenta caiena e a canela são alguns alimentos com propriedades termogénicas.

Desintoxique o seu fígado

A toma de medicamentos e os excessos alimentares, são apenas dois exemplos de comportamentos que promovem a intoxicação do nosso fígado.

Um fígado saudável é meio caminho andado para um processo de emagrecimento eficaz. Para tal, é de salientar a importância da restrição de alimentos processados, como os refrigerantes, alimentos pré-confeccionados e embalados. (confira aqui outras dicas para desintoxicar o seu fígado).

Evite o açúcar             

Quando o açúcar se encontra em excesso, o nosso organismo armazena-o sob a forma de gordura favorecendo o aumento do perímetro abdominal. Para perder barriga com sucesso, evite-o.

Hidrate-se

A ingestão mínima de 1,5L de água é fundamental para a perda de gordura ou inchaço derivado do excesso de líquidos retidos no nosso organismo.

Além da água, as infusões também poderão ser excelentes aliadas para atingir os seus objetivos. Opte por aquelas que apresentam propriedades diuréticas, aceleradoras do metabolismo, anti-inflamatórias e antioxidantes.

 

Desta forma, proponho-vos 5 desafios, para por em prática durante 1 semana:

  1. Introduza um sumo com uma peça de fruta e um legume do seu agrado ao pequeno-almoço. Varie os ingredientes do seu sumo ao longo da semana (consulte algumas receitas de sumos aqui).
  2. Se costuma fazer dois lanches durante a tarde, no segundo opte por alimentos mais leves e pouco açucarados, como é o caso da gelatina, iogurtes e frutos oleaginosos (ex. nozes, amêndoas,…).
  3. Opte por ingerir alimentos frescos, preparados e cozinhados por si. Os alimentos pré-confecionados têm adição de açúcar e gordura para garantir a sua conservação, reduzindo significativamente os seus benefícios nutricionais.
  4. Comece a utilizar o gengibre e a pimenta caiena na confeção das suas refeições. Além de poder optar por refeições leves e pouco calóricas, com a sua introdução, facilita ainda a queima de gordura.
  5. Coloque como objetivo a ingestão mínima de 1,5L de água e 0,5L de uma infusão à sua escolha entre as seguintes opções: hibisco, gengibre, cavalinha, rooibos, chá verde, cardo mariano e dente de leão. Poderá variar a sua infusão ao longo da semana, usufruindo assim de benefícios diferentes e ao mesmo tempo complementares.

 

Para mais informações, marque aqui a sua consulta de nutrição em Torres Vedras